Painel de Controle

Dicas e conteúdo para o seu negócio decolar.

> Como Aumentar os Lucros da Minha Empresa?

Como Aumentar os Lucros da Minha Empresa?

por Douglas Gayo

Como Aumentar os Lucros da Minha Empresa?

Quer aumentar os lucros da sua empresa? Então minha matéria de hoje é para você.

A primeira questão que devemos entender é que “Potência não é nada sem controle”. De nada adianta sua empresa faturar um milhão de reais por mês e ter prejuízos. É muito mais eficiente você faturar “apenas” R$ 50 mil e ter um lucro de R$ 10 mil. Ou seja, não interessa quanto você fatura, mas sim quanto sobra ao final do mês.

Uma das formas mais eficientes de você melhorar os lucros da sua empresa é transformando custos e despesas fixas em custos e despesas variáveis.

Para isso precisamos antes de mais nada entender qual a diferença entre esses dois tipos de gastos:

 

Custos e Despesas Variáveis

 

São aqueles gastos que incorrem somente no caso você gerar alguma receita. Ou seja, quanto mais sua empresa fatura, mais gastos variáveis vai gerar. São gastos que variam proporcionalmente com o nível de produção (no caso de indústria), com o do volume de venda (no caso de um comércio), ou com o volume de serviços realizados (no caso de uma prestadora de serviços).

Como exemplo desses gastos podemos citar:

 

  • Despesas com comissões;
  • Custo da mercadoria vendida;
  • Despesas com entregas;
  • Consumo de insumos produtivos, entre outros.

 

Custos e Despesas Fixas

 

Já os gastos fixos, por sua vez, são gastos que possuem o valor (R$) fixado independentemente do volume de venda da sua empresa. Ou seja, eles não sofrem alteração no valor mesmo que o volume de faturamento ou o volume de produção varie. Se o aluguel da sua empresa é R$ 10 mil reais por mês, você vai ter que pagar R$ 10 mil reais faturando R$ 1 milhão ou faturando apenas R$ 5 mil reais.

Como exemplo desses gastos, além do aluguel podemos citar:

 

  • Salário fixos;
  • Água;
  • Telefone;
  • Internet;
  • Vigilância, entre outros.

 

O grande problema relacionado aos custos e despesas fixos é que independente de quanto você vende por mês você é “obrigado” a pagá-los. E isso aumenta muito a pressão sobre o caixa da sua empresa. Uma vez que você já começa o mês devendo dinheiro, sem nem mesmo saber se vai vender algo ou não.

Isso ainda faz com que alguns empresários baixem o preço de seus produtos numa tentativa desesperada de vender alguma coisa para cobrir os custos fixos de suas empresas, prejudicando a sí mesmo, uma vez que vende produtos até mesmo abaixo do preço de custo, além de prejudicar todo o mercado, leiloando preços.

O grande segredo consiste na substituição de custos fixos em custos variáveis. Assim você só terá custos e despesas caso tenha vendas. Isso faz com que a pressão sobre o caixa da sua empresa seja menor. Você inicia o mês devendo menos dinheiro.

Uma dica valiosa para isso é considerarmos a terceirização. Vou te dar um exemplo. Caso sua empresa necessite entregar produtos aos seus clientes você possui duas opções: adquirir um caminhão ou entregar via transportadora.

Caso você opte pela primeira opção terá que pagar mensalmente:

  • A parcela do financiamento do veículo;
  • As manutenções dos veículos;
  • Os gastos com emplacamento dos veículos;
  • Os gastos do seguro dos veículos;
  • O salário do motorista e do ajudante;
  • Os encargos sobre os salários do motorista e do ajudante, entre muitos outros.

 

E além de tudo isso, ainda existe um risco enorme de algum sinistro uma vez que o veículo estará em circulação.

O pior de tudo é que no caso do seu faturamento cair 30% por exemplo (bata 3 vezes na madeira) você continuará pagando o mesmo volume das despesas acima citadas. Ou seja, sua margem de lucro cairá vertiginosamente.

Caso você tivesse optado pela segunda opção, a transportadora, além de não imobilizar capital financeiro no caso de suas vendas diminuírem seus gastos com a entrega diminuiriam na mesma proporção.

Lembre-se: sua empresa existe exclusivamente para gerar riqueza. E esta riqueza é medida pela quantidade de dinheiro disponível que você possui no seu caixa e não pela quantidade de imobilizados sem liquidez que você possui.

Inscreva-se em nossa canal no Youtube e veja vídeos explicativos com dicas para a sua empresa.

Leia as últimas matérias do blog:

Como Melhorar a Saúde do Caixa da Minha Empresa?

Modelo de Gestão Baseado em Metas e Indicadores de Performance 

Qual o segredo das empresas de sucesso?

Pare de Dar Descontos Imediatamente!

 

Douglas Gayo

MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). MBA em Finanças pela Unochapecó. MBA em Engenharia da Produção pela Unochapecó. Graduado em Ciências Contábeis pelo IBES/Sociesc. Atua como assessor financeiro com foco em Gestão Estratégica de Capital de Giro; Gestão Estratégica de Resultados; Gestão Estratégica de Custos; Captação de Recursos Financeiros de Longo Prazo; Planejamento Estratégico; e Modelagem de Novos Negócios. Sócio fundador da Vettor Gestão Empresarial, empresa que atua com assessoria financeira. Instrutor de Treinamentos na área de Gestão Estratégica de Capital de Giro. Membro do Núcleo das Assessorias e Consultorias da Associação Comercial e Industrial de Chapecó (ACIC), onde é membro desde o ano de 2013.
Douglas Gayo

Últimos posts por Douglas Gayo (exibir todos)


Sobre o blog

O Painel de Controle é um blog com dicas, notícias e conteúdos para o seu negócio decolar. Confira também canal no Youtube.

A Vettor te ajuda na difícil tarefa de gerenciar uma empresa, fornecendo as melhores soluções de gestão e melhorando seus resultados financeiros.